Retina

Quando a retina se descola da parede do globo ocular, sua capacidade de captar a luz fica prejudicada e a visão perde a nitidez. Em casos de descolamento total, a retina deixa de transmitir imagens ao cérebro e a visão desaparece.

A doença ocorre com maior frequência após os 40 anos e as pessoas que apresentam maior possibilidade de desenvolvê-la são as que possuem história de descolamento de retina na família, traumas oculares ou acidentes que resultem em ferimento; pancada ou batida forte no olho, na face ou na cabeça, podem também provocar o descolamento de retina.

O tratamento:

O tratamento do descolamento de retina envolve o reposicionamento da retina ao local de origem. Existem alguns métodos cirúrgicos para a correção: o laser, crioterapia, retinopexia com introflexão, retinopexia pneumática e a vitrectomia.
Após o operatório podem surgir alguns desconfortos, normalmente suportáveis já que nesta fase final são prescritos analgésicos e anti-inflamatórios para ajudar no processo de recuperação.

Categorias: Cirurgias
Postado por cop em 09/10/15
© 2015 | TODOS O DIREITOS RESERVADOS A COP- CENTRO OFTALMOLOGICO PERDIZES | DESENVOLVIDO POR MIDHAUS